MICROGERAÇÃO - Chave na MãoThere are 3 products.

MICROGERAÇÃO - Chave na Mão
A microgeração consiste em produzir electricidade em instalações de energias renováveis (paineis fotovoltaicos ) de pequena potência para vendê-la à rede pública.
Uma instalação deste tipo é designada "unidade de microprodução"
Poderá ser microprodutor desde que tenha um contrato de fornecimento de electricidade de baixa tensão.
Ser microprodutor obriga também à instalação de painéis solares térmicos (AQS), no minimo 2 m² em paineis termicos.
Necessita de uma area de 30 m² voltados a Sul para instalação dos módulos fotovoltaicos.

O Decreto de Lei define ainda que o regime bonificado é aplicável por 15 anos, em que nos primeiros 8 anos a energia é vendida a 0,38€/kWh, e nos 7 anos seguintes é aplicada uma tarifa de 0,24€/kWh.
O período de 15 anos é contado a partir do primeiro dia do mês seguinte ao do início de funcionamento. Após o período inicial de 15 anos, o produtor ingressa no regime geral (preço de custo). Valor calculado para o ano 2011 .

Retorno do investimento:

Um sistema fotovoltaico de microprodução com uma potência de 3,45kW, com 18 paineis TRINA de 230 w (4140w no Total), em local de boa exposição solar no Funchal, produz a energia média de: 5,5h x 3,45kW = 18,97 kWh por dia.
Por ano, produz-se, então: 365 x 18,97 kWh = 6924,05 kWh x 0,38€ (actual tarifa de venda à rede) = 2631,13 EUR /ano. O retorno do investimento é de cerca de 6 A 8 anos . (este calculo é estimado para locais com muita exposição solar sem sombreamentos). Os módulos fotovoltaicos tem uma vida útil de 25 anos, pelo que depois da amortização do investimento os sistema continuarão a produzir energia durante muitos anos.

Valor calculado para 2011